Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1842
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Conhecimento sobre atividade física dos estudantes de ensino médio da zona urbana da cidade de Pelotas
Other Titles: Knowledge about physical activity among high school students in the urban area of Pelotas
Authors: Silveira, Eder da Fontoura
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo avaliou o conhecimento dos adolescentes que frequentam aulas no ensino médio na zona urbana da cidade de Pelotas, sobre atividade física e sua relação com prevenção de doença crônica e do efeito fisiológico sobre o organismo humano. Foi realizado um estudo transversal de base escolar, incluindo 1233 indivíduos na faixa etária de 13 a 19 anos. O questionário gerou um escore de conhecimento (0 22 pontos). Mais de 60% dos adolescentes associaram corretamente o hábito de realizar atividades físicas e prevenção de doenças crônicas como pressão alta, colesterol elevado, osteoporose e depressão. Maiores níveis de conhecimento estiveram positivamente associados a classes sociais mais elevadas, cor de pele branca e maiores faixas etárias e anos de estudo. Entre as mulheres, as que tiveram uma auto-percepção de saúde entre boa e excelente também obtiveram um maior escore de conhecimento. Programas de educação para a saúde devem ser desenvolvidos para informar os jovens sobre a influência dos comportamentos de risco, na tentativa de minimizar o sedentarismo e, possivelmente, o número de pessoas obesas na adolescência e na vida adulta.
Abstract: This study evaluated the knowledge about physical activity and its relation to the prevention of chronic disease and physiological effect on the human body in adolescents who attend classes in high school in the urban area of Pelotas. It was conducted a cross-sectional, school-based approach with 1233 individuals aged 13 to 19 years. The questionnaire originated a score (range 0-22 points). Mean score for the sample was 14.1 (SD = 3.0). More than 60% of adolescents correctly associated physical activity to prevent chronic diseases like high blood pressure, high cholesterol, osteoporosis and depression. Higher level of knowledge was positively associated to higher social strata, white color and higher age and grade. Among women, those who had a self-perceived health between good and excellent also had the highest knowledge. Education programs for health must be desenvolved to infor young people about the influence of the risk behavior in an attempt to minimize the sendentary behavior and possibly the number of obese in adolescence and adulthood.
Keywords: Conhecimento
Motor activity
Atividade física
Adolescentes
Educação
Doença crônica
Adolescents
Education
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::EDUCACAO FISICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Escola Superior de Educação Física
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação Física
Citation: SILVEIRA, Eder da Fontoura. Knowledge about physical activity among high school students in the urban area of Pelotas. 2010. 136 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1842
Issue Date: 26-Mar-2010
Appears in Collections:Pós-Graduação em Educação física: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EderSilveira.pdf1,53 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.