Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/2584
metadata.dc.type: doctoralThesis
Title: Tendências genéticas e seleção para eficiência à desmama em bovinos da raça Aberdeen Angus
metadata.dc.creator: Campos, Leonardo Talavera
metadata.dc.contributor.advisor1: Dionello, Nelson José Laurino
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho foi dividido em duas partes. O objetivo do primeiro estudo foi avaliar as tendências genéticas aditivas para características de crescimento e índices de seleção na população de bovinos da raça Aberdeen Angus, avaliados pelo PROMEBO®. Os dados foram disponibilizados pela Associação Nacional de Criadores (ANC), com animais produzidos entre os anos de 1974 e 2010. As características estudadas foram: peso ao nascer (PN); ganho de peso do nascimento à desmama (GND), e ganho de peso pós-desmama (GDS), com 70.156, 181.491 e 113.323 animais, respectivamente, sendo pré-ajustadas para efeitos ambientais conhecidos. Outras variáveis estudadas foram os índices de seleção à desmama e final. Incluem, além do GND e GDS, perímetro escrotal (PE) na fase final (ano ou sobreano) e escores de avaliação visual coletados nas fases de desmama e final. Ponderações percentuais foram aplicadas sobre as características para compor os índices. O modelo estatístico incluía os efeitos genéticos aditivos de touro e vaca e efeitos ambientais de grupos contemporâneos. As estimativas foram obtidas pelo Método GenSys, utilizando-se um modelo chamado de gamético, em análises univariadas. Nas análises de regressão, ao usar médias aritméticas dos valores genéticos ou DEPs, foi usado o método de quadrados mínimos ponderados, pelo número de observações, com base no PROC REG (SAS, 1996). As tendências genéticas aditivas diretas para as características de crescimento GND, GDS e ganho de peso do nascimento (sobre)ano (GNS = GND + GDS) e índices de seleção à desmama e final, foram significativas e indicam que, como critério de seleção, estão proporcionando moderado progresso genético nesta população da raça Angus. Resultados da avaliação genética para peso ao nascer indicam que o mesmo encontra-se praticamente estabilizado, o que é desejável visando-se evitar problemas de parto. A segunda parte do estudo teve como objetivo avaliar um critério de seleção para eficiência à desmama nos rebanhos controlados pelo PROMEBO®. O critério foi a relação entre o ganho de peso do nascimento à desmama do terneiro (GND) e o peso da vaca (PV), obtida de duas formas, constando no denominador da equação: (1) peso da vaca real na desmama de seu produto, expressando esta eficiência em percentagem (EFF); ou (2) peso metabólico da vaca na desmama de cada um de seus filhos, resultando na eficiência em peso metabólico (EPM). Os touros pais foram avaliados através de filhos que tenham maior GND ( output ), em relação ao custo de produção ( input ), medido através do peso metabólico de suas mães para EPM, ou peso corporal real das vacas para EFF. Foram analisados dados ponderais de 10.350 terneiros, e suas respectivas mães, referentes às progênies de 330 touros pais da raça Aberdeen Angus, produzidos entre os anos de 1982 a 2002, em três rebanhos de duas fazendas localizadas na região da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. As soluções de modelos mistos foram obtidas através do programa PROC MIXED (SAS Institute Inc.,2001). O método de estimação da herdabilidade foi o da covariância entre meio-irmãos paternos. As estimativas de herdabilidade obtidas, de magnitude moderada, foram de 0,187±0,023 (18,69%) para EPM e 0,167±0,022 (16,73%) para EFF. Apesar de dificuldades e restrições estatísticas, os critérios de seleção para eficiência analisados, em especial, eficiência em peso metabólico (EPM), apresentaram razoável herdabilidade. Este fato abre perspectivas para, como característica do touro pai ou do produto, permitir a seleção de reprodutores que fornecem um maior retorno ou eficiência econômica, transmitindo à sua progênie potencial genético para um maior ganho de peso em relação às necessidades de mantença das mães de seus produtos. Relações como EFF e EPM - ao se pressupor, com base na literatura, uma positiva associação com eficiência alimentar -, indicam ser uma alternativa importante tanto pela herdabilidade moderada como pela facilidade de mensuração na prática.
Abstract: Study was divided into two independent and complementary parts. The first objective was to evaluate the behavior of additive genetic trends for weight traits and selection indices in cattle population of Aberdeen Angus breed evaluated in PROMEBO®. Data were provided by the National Breeders Association (ANC), with animals produced from 1974 to 2010. The traits were: birth weight (BW), with 70,156; weight gain from birth to weaning (WWG), with 181,491; and post-weaning weight gain (PWG), with 113,323 animals, respectively. Characteristics were pre-adjusted for known environmental effects. Other variables were the weaning and final selection indexes. It was includes, beside WWG and PWG, scrotal circumference (SC) in the final stage (yearling) and visual scores collected at the weaning and yearling. Weighting percentages were applied for index constituents. The statistical model included additive genetic effects of sire and dam and environmental effects of contemporary groups. The estimates were obtained by Method GenSys, using a denomined gametic model on univariate analysis. In regression analysis using arithmetic means of breeding values or EPDs was used the least squares method weighted by the number of observations, obtained by PROC REG (SAS, 1996). Significant additive direct genetic trends estimated to the weight characters WWG, PWG and weight gain from birth to yearling (YWG = WWG + PWG) and selection indices at weaning and yearling, show that, as selection criteria, are providing moderate genetic progress in this population of Angus. Results for birth weight suggested that it is almost stabilized, which is desirable in order to avoid calving problems. The second part of the study was to evaluate a selection criterion for efficiency to weaning in beef cattle herds controlled by PROMEBO®. This criterion was the relationship between weight gain from birth to weaning of calves (WWG) and cow weight (CW), obtained in two ways, appear in the denominator of equation (1) real cow weight at weaning of their product, a percentage expressing this efficiency (EFF), or (2) metabolic weight of cow at weaning from each of their calves, resulting in the efficiency in metabolic weight (EMW). The bulls were evaluated by calves who have greater WWG (output), compared to the cost of production ("input"), measured by the metabolic weight of their mother cows for EMW, or actual bodyweight of cows for EFF. Records from performance data including weight of 10,350 calves and their mothers, referring to the progenies of 330 sires from Angus breed, produced between 1982 to 2002, in three herds from two farms located in the region Frontier West of Rio Grande do Sul. The mixed model solutions were obtained through a computer program PROC MIXED (SAS Institute Inc., 2001). The heritability was estimated by covariance between paternal half-siblings. The heritability estimates, of moderate magnitude, were 0,187±0,023 (18,69%) for EMW and 0,167±0,022 (16,73%) for EFF. Despite of difficulties and constraints statistics, selection criteria for efficiency analysis, in particular, efficiency in metabolic weight (EMW), showed reasonable heritability. This opens prospects for allowing a selection of sires that provide a greater return and economic efficiency, transmitting to their offspring genetic potential for a greater weight gain in relation step to the maintenance requirements of cows, mothers of their products. Ratios as EFF and EMW, due positive association with feed efficiency, indicate that were an important alternative for selection because the moderate heritability and ease of measurement in practice.
Keywords: Diferença esperada na progênie
Ganhos de peso
Herdabilidade
Índices de seleção
Peso metabólico
Relação
Expected progeny difference
Heritability
Metabolic weight
Ratio
Selection indexes
Weight gains
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: CAMPOS, Leonardo Talavera. Tendências Genéticas e Seleção para Eficiência à Desmama em Bovinos da Raça Aberdeen Angus.. 2011. 83 f. Tese (Doutorado em Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2011.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2584
Issue Date: 22-Feb-2011
Appears in Collections:Pós-Graduação em Zootecnia: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_Leonardo_Talavera_Campos.pdf747,58 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.