Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/2615
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Rendimento corporal e composição química da viola (Loricariichthys anus) em duas faixas de peso capturadas na Lagoa Mangueira, RS, Brasil
Other Titles: Yield and chemical composition of the body viola (Loricariichthys anus) in two bands weight captured in the lagoa Mangeuira, RS, Brazil
metadata.dc.creator: Britto, Aline Conceição Pfaff de
metadata.dc.contributor.advisor1: Pouey, Juvencio Luiz Osorio Fernandez
metadata.dc.description.resumo: A viola vem despertando grande interesse para a piscicultura, por ser uma das espécies mais numerosas da Lagoa Mangueira e pelo grande potencial para aqüicultura. A Lagoa Mangueira, parte integrante da Bacia da Lagoa Mirim, localiza-se na porção leste do extremo sul do Brasil e em toda a região a atividade pesqueira é desenvolvida de forma artesanal, dela dependendo inúmeras famílias de pescadores residentes a suas margens. A pesca é regulamentada desde 1994 pela portaria n° 119-N/93 do IBAMA, que determina o tamanho mínimo de 40 mm entrenós para as redes de emalhe. Com a justificativa da redução da produção pesqueira na região, pescadores locais vem utilizando malhas menores, para a pesca da viola na Lagoa Mangueira, tendo como conseqüência uma sistemática redução no tamanho médio das capturas, levando a um esforço maior para obter um rendimento cada vez menor. Os objetivos deste trabalho foram avaliar o rendimento corpóreo e composição química da carne de viola em duas faixas de peso, a fim de saber em qual delas se obtém um melhor rendimento. Os animais utilizados foram fornecidos por pescadores da Lagoa Mangueira e a coleta ocorreu no mês de agosto de 2011. Utilizou-se 20 animais de cada faixa, totalizando 40 animais. No Laboratório de Ictiologia da Universidade Federal de Pelotas foram escolhidos ao acaso o mesmo número de machos e fêmeas, divididos em duas faixas de peso e analisados através de biometria. A composição química foi feita nos laboratórios de Nutrição Animal e Cromatografia da mesma instituição de ensino. Os animais que estavam na faixa de peso 2 apresentaram melhor rendimento de carcaça. Com as análises químicas chegou-se a conclusão de que o filé de viola é considerado magro.
Abstract: The viola is attracting great interest for fish farming, being one of themost numerous species of pond hose and the great potential for aquaculture. The Pond Hose, part of the Mirim Lagoon Basin,located in the eastern portion of southern Brazil and across the region the fishery is developed by hand, depending on hernumerous families of fishermen residents to its shores. Fishing isregulated since 1994 by Ordinance No. 119-N/93 IBAMA, whichdetermines the minimum size of 40 mm internodes for gill netting.With the justification of the reduction of fish production in the region,local fishermen have been using smaller nets for fishing in LakeViola hose, resulting in a systematic reduction in the average size of catches, leading to a greater effort to obtain a yield increasinglysmaller. Our objectives were to evaluate the performance and bodycomposition of the meat viola in two weight ranges, in order to knowwhich one you get a better yield. The animals used were provided by fishermen Pond Hose and collection occurred in August 2011.We used 20 animals of each track, totaling 40 animals. In the Laboratory of Ichthyology at the Federal University of Pelotas werechosen at random the same number of males and females, divided into two weight ranges and analyzed using biometrics. The chemical composition was made in the laboratories of Animal Nutrition and chromatography in the same institution. Animals thatwere in the range of weight 2 showed better carcass yield. With the chemical analysis came to the conclusion that the fillet is considered to violate thin.
Keywords: Viola
Loricariichthys anus
Rendimento corporal
Composição química
Ácidos graxos
Body yield
Chemical composition
Fatty acids
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: BRITTO, Aline Conceição Pfaff de. Yield and chemical composition of the body viola (Loricariichthys anus) in two bands weight captured in the lagoa Mangeuira, RS, Brazil. 2012. 46 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2012.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2615
Issue Date: 29-Feb-2012
Appears in Collections:Pós-Graduação em Zootecnia: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dissertacao_aline_conceicao_pfaff_de_britto.pdf847,71 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.