Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3132
metadata.dc.type: doctoralThesis
Title: Produção de porta-enxertos de Prunus persica por sementes e seleção de indivíduos contrastantes para o vigor no campo
Other Titles: Production of Prunus persica rootstocks by seeds and selection of contrasting individuals for field vigor
Authors: Spinelli, Victor Mouzinho
metadata.dc.description.resumo: Apesar do Rio Grande do Sul se destacar em área cultivada e produção de pêssegos [Prunus persica (L.) Bastch], a sua produtividade média é a mais baixa, comparada a dos outros estados produtores. Dentre os fatores associados a essa baixa produtividade, destaca-se a falta de identificação e seleção de genótipos específicos para uso como porta-enxertos. Sendo assim, os objetivos deste trabalho foram caracterizar o potencial germinativo e vigor de sementes de porta-enxertos de pessegueiro sob diferentes métodos de estratificação, analisar a correlação entre as principais características morfométricas de frutos e sementes, avaliar o efeito de doses de nitrogênio sobre o crescimento e desenvolvimento de seedlings produzidos em sacolas de plástico e identificar por meio da análise de caracteres de crescimento, genótipos contrastantes para o vigor em cinco populações de porta-enxertos de Prunus persica cultivadas no campo. Para atender aos objetivos foram realizados diversos experimentos, cujos resultados estão apresentados em quatro capítulos. No capítulo I, foram realizados três experimentos independentes. No primeiro e segundo experimento avaliou-se o efeito da estratificação das sementes com e sem endocarpo, respectivamente. Por sua vez, no terceiro, a análise do crescimento inicial dos seedlings. Verificou-se que a estratificação de sementes com endocarpo, em areia e vermiculita, por 60 dias, não influenciou no percentual de germinação das sementes, onde a porcentagem de germinação (G%) variou de 35-40% em areia para ‘Aldrighi’ e ‘Capdeboscq’, e foi de 19,5% para Okinawa. Para os demais genótipos a G% foi inferior a 5%, independente do substrato. Quando a estratificação foi realizada sem o endocarpo, a germinação foi uniforme e variou de 93% a 100%, registrando-se uma correlação significativa entre a massa das sementes e o índice de velocidade de germinação (IVG). No terceiro experimento, os seedlings de ‘Aldrighi’ e ‘Capdeboscq’ alcançaram mais rapidamente o ponto de transplantio e o maior índice de qualidade de Dickson (IQD), evidenciando-se uma associação direta dos índices NBI, SPAD e ICHL com o desenvolvimento de seedlings mais vigorosos. No capítulo II, verificou-se que frutas e sementes com maiores valores de medidas biométricas apresentam correlação positiva e forte com potencial germinativo e vigor das sementes, conforme verificado para as cultivares Aldrighi, Capdeboscq e Tsukuba 1, evidenciando que o IVG e o TMG possuem forte relação com a massa fresca das sementes, sendo características de grande interesse para selecionar genótipos com potencial para uso como porta-enxertos de Prunus persica. No capítulo III, verificou-se que os diferentes níveis de adubação com Ca(NO3)2 influenciaram no crescimento dos porta-enxertos cultivados em embalagem e que a maior dose de Ca(NO3)2, proporcionou a melhor qualidade dos seedlings, o qual foi expresso nos maiores IQD, para os três genótipos avaliados, destacando-se os seedlings da seleção ‘NR 0080412’, que também se mostraram ser mais vigorosos em relação aos demais genótipos avaliados. Por fim, no capítulo IV foram realizados dois experimentos. No primeiro experimento, verificou-se que as sementes das seleções de porta-enxertos ‘NR 0280401’, ‘NR 0080412’ e da cv. ‘Capdeboscq’ requerem menor tempo para a germinação e apresentam maior percentual de sementes germinadas. Genótipos com maturação de frutos mais precoces, devem ser armazenadas por período mais curto, devido a perda de viabilidade das sementes, conforme verificado para ‘Okinawa Roxo’. Em relação ao desempenho das populações a campo e com base nas variáveis de crescimento e suas correlações, foi possível discriminar indivíduos mais contrastantes (outliers) quanto ao vigor em quatro das cinco populações avaliadas. Considerando-se as variáveis altura de planta e diâmetro do caule, verificou-se diferenças quanto ao vigor e homogeneidade no crescimento vegetativo entre as populações de porta-enxertos avaliados nas condição de campo. As populações de seedlings derivados das cultivares ‘Capdeboscq’, ‘Tsukuba 3’ e ‘Tsukuba 1’ apresentaram homogeneidade de crescimento suficientes para serem utilizados na produção de porta-enxertos, via sementes.
Abstract: In spite of Rio Grande do Sul standing out in the peach [Prunus persica (L.) Bastch] acreage and production, its average productivity is the lowest one compared to the other producer states. Among the issues which are associated with such low productivity, the lack of identification and selection of specific genotypes for rootstocks use stand out. Thus, the objectives of this study were to characterize the geminative potential and vigor of peach tree rootstocks under different stratification methods, to analyze the correlation between the main morphometric characteristics of fruits and seeds, to evaluate the effect of nitrogen doses on the growth and development of seedlings produced in plastic bags, and to identify through the growth characters analysis by contrasting to the genotypes in five Prunus persica rootstocks population, grown in the field. In order to achieve these goals, several experiments were carried out; the results are presented in four chapters. In chapter I, three independent experiments were done. In the first and second experiments the effect of stratification of seeds with or without endocarp, respectively, were evaluated. Thus, in the third one, the analysis of initial growth of seedlings was done. It was found that the stratification of seeds with endocarp, in sand and vermiculite, for 60 days, did not influence the percentage of seeds germination, where the percentage of germination (G%) ranged from 35-40% in sand to 'Aldrighi ' and 'Capdeboscq', and it was 19.5% to Okinawa. For the remaining genotypes, the G% was less than 5%, apart from the substrate. When stratification was performed without the endocarp, germination was uniform and ranged from 93% to 100%, registering a significant correlation between the mass of seeds and germination speed index (GSI). In the third experiment, seedlings of 'Aldrighi' and 'Capdeboscq' reached more quickly the point of transplanting and the Dickson quality index (DQI), showing a direct association of the nitrogen balance index (NBI), SPAD index and chlorophyll index (ICHL) with the development of more vigorous seedlings. In chapter II, it was found that fruits and seeds with higher values of biometric measures present a strong positive correlation with geminative potential and vigor of the seeds, as verified for the cultivars Aldrighi, Capdeboscq and Tsukuba 1, the GVI and the GMT have a strong relationship with the fresh mass of seeds, being features of great interest to select genotypes with potential for Prunus persica rootstocks usage. In chapter III, it was found that the different levels of fertilization with Ca(NO3)2 influenced the growth of rootstocks, cultivated into packs, and that the highest dose of Ca(NO3)2, provided the best quality of seedlings, which was expressed in the higher DQI, for the three genotypes evaluated, standing out the seedlings of the selection 'NR 0080412', that also proved to be more vigorous compared to other genotypes evaluated. Finally, in chapter IV two experiments were conducted. In the first experiment, it was found that the seeds of rootstocks selections 'NR 0280401', 'NR 0080412' and vc. 'Capdeboscq' requires less time for germination and shows a higher percentage of germinated seeds. Genotypes with earlier fruit maturation should be stored for shorter periods, due to loss the of seed viability, as checked for 'Okinawa Roxo'. Regarding the performance of field population and based on the growth variables and their correlations, it was possible to discriminate more contrasting individuals (outliers), such as the vigor in four out of the five the population evaluated. Considering the plant height and stem diameter variables, it was noticed some differences such as the vigor and homogeneity in vegetative growth between rootstocks population evaluated under the field condition. Population of seedlings derived from cultivars 'Capdeboscq', 'Tsukuba 3' and ‘Tsukuba 1' has shown enough homogeneity growth to be used in the production of rootstocks, via seeds
Keywords: Prunus persica
Produção de sementes
Nutrição mineral
Estimação do vigor
Seed production
Mineral nutrition
Vigor estimation
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA::FISIOLOGIA VEGETAL
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Biologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Fisiologia Vegetal
Citation: Spinelli, Victor Mouzinho. Produção de porta-enxertos de Prunus persica por sementes e seleção de indivíduos contrastantes para o vigor no campo. 2016. 114f. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal) – Programa de Pós-graduação em Fisiologia Vegetal, Universidade Federal de Pelotas. Pelotas.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3132
Issue Date: 16-Sep-2016
Appears in Collections:Pós-Graduação em Fisiologia vegetal: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_victor_spinelli.pdf2,47 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons