Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3889
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Comparação de Métodos Fenotípicos e Molecular 3M MDS® para Identificação de Salmonella spp.
Authors: Bergamo, Greici
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Timm, Cláudio Dias
metadata.dc.contributor.advisor-co2: Helbig, Elizabete
metadata.dc.description.resumo: Foram avaliados e comparados um método molecular (Molecular Detection System - 3M MDS®) e dois métodos fenotípicos (MAPA e MSRV) na detecção de Salmonella spp. Dois métodos utilizam como base meios de cultura, sendo que o Método MAPA é considerado padrão no Brasil, é recomendado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e está descrito na Instrução Normativa N.62 e o Método MSRV que é descrito pela International Organization for Standardization. O terceiro método, 3M MDS®, é validado pela Association of Official Analytical Chemistry e baseia-se em princípios de biologia molecular detectando o micro-organismo alvo através de bioluminescência. Os três métodos foram avaliados quando a sua capacidade de detectar Salmonella spp. em amostras de leite UHT artificialmente contaminado e em amostras de linguiças mista frescal (elaborada com carne suína e bovina) e suína frescal adquiridas em estabelecimentos comerciais da Região Sul do Brasil. A partir dos isolados encontrados nas amostras de produtos cárneos, foi avaliada a capacidade de resistência a agentes antimicrobianos e de formação de biofilme em superfícies de poliestireno. Todos os métodos foram capazes de detectar um número equivalente de isolados de Salmonella spp. tanto nas amostras de leite UHT contaminadas artificialmente como em amostras de produtos cárneos. A sensibilidade e especificidade dos métodos foram equivalentes. A presença de Salmonella spp. foi observada em 19,1% (n=89) das amostras de produtos cárneos, estando essas impróprias para o consumo. Dos isolados obtidos, 40%(n=15) mostraram-se resistentes a pelo menos um dos agentes antimicrobianos testados e os que apresentaram menor eficiência foram a ampicilina, gentamicina e amoxicilina mais clavulanato. Apenas um antimicrobiano amicacina (30μg) foi eficaz na inibição de todos os isolados testados. Nenhum dos isolados mostrou-se capaz de formar biofilmes em superfícies de poliestireno. A partir dos dados obtidos pode-se inferir que tanto o Método 3M MDS®, quanto o Método MSRV podem ser utilizados como alternativas ao Método MAPA, considerado padrão no Brasil. A presença de Salmonella spp. observada nas amostras analisadas denotam falhas e falta de cuidados higiênicos na cadeia de carnes e a resistência bacteriana verificada nos isolados de Salmonella spp. a agentes antimicrobianos é preocupante pois bactérias resistentes podem gerar infecções de difícil tratamento.
Abstract: One molecular method (Molecular Detection System - 3M MDS®) and two phenotypic methods (MAPA and MSRV) were evaluated and compared for the identification of Salmonella spp. in UHT milk artificially contaminated samples and mixed sausage frescal samples (manufactured using meat swine and meat beef) and swine sausage frescal samples bought in commercial markets in Southern Brazil. Two methods use the culture media: the MAPA method is considered standard in Brazil and is recommended by Ministry of Agriculture, Livestock and Supply and is described in Normative Instruction n.62 and MSRV method is recommended by International Organization for Standardization. The 3M MDS® method is recommended by Association of Official Analytical Chemistry, based on principles of molecular biology detecting the microorganism by bioluminescence. Salmonella spp. isolates found in the samples of meat products was evaluated the antimicrobial resistance and biofilm formation on polystyrene surfaces. All methods detect an equivalent number of Salmonella spp. isolates in UHT milk artificially contaminated samples and meat products. The sensitivity and specificity of both methods are equivalent. The presence of Salmonella spp. was observed in 19,1% (n=89) of the meat products samples and the antimicrobial resistance in Salmonella spp. isolates was 40% (n=15). Less efficient antibiotics: ampicillin, gentamicin and amoxicillin+clavulanate. Only one antibiotic - amikacin (30μg) - was effective in inhibiting all isolates tested. No Salmonella spp. isolate biofilms formed on polystyrene surfaces. The MSRV and 3M MDS® methods can be used as alternatives to the standard method MAPA. The presence of Salmonella spp. in meat products demonstrates flaws and lack of hygienic care in the meat chain and the resistance to antibiotics found in isolates of Salmonella spp. is worrying because the bacterial resistance can cause infections difficult to treat.
Keywords: Nutrição
Agar MSRV
Linguiça frescal
Multirresistência
Tetrationato
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Nutrição
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3889
Issue Date: 31-Mar-2015
Appears in Collections:Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Greici_Bergamo.pdf1,51 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons