Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3933
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Influência do Receptor B1 de Cininas na Fisiopatologia da Obesidade e do Diabetes Mellitus em Camundongos ob/ob
Authors: Zanella, Renata
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Schneider, Augusto
metadata.dc.description.resumo: O sistema calicreínas-cininas (SCC) está envolvido em diversos processos biológicos como modulação de dor, vasodilatação, permeabilidade vascular, edema e inflamação, tendo seus efeitos mediados por dois receptores específicos acoplados a proteína G, o receptor B1 e B2 de cininas. O SCC tem sido recentemente relacionado com a homeostase da glicose e resistência à insulina. O objetivo do presente estudo foi investigar a participação do receptor B1 (B1R) de cininas nos processos metabólicos relacionados à obesidade e ao diabetes mellitus tipo 2 em camundongos obesos. Para isso foram utilizados camundongos deficientes para a leptina e nocautes para o B1R de cininas (obB1). Quando comparados, os animais obB1 mostraram uma redução na ingestão alimentar em todo período avaliado (4° a 26° semana de vida); menor ganho de peso, tanto aos 3 meses (obWT, 63,79 ± 1,59; obB1, 51,22 ± 1,09 g, p < 0,001) quanto aos 6 meses de idade (obWT, 74,61 ± 1,04; obB1, 57,98 ± 1,58 g, p < 0,001); e menor depósito de gordura. No teste de tolerância a glicose, animais obB1 apresentaram maior captação de glicose do que seus controles quando jovens (obWT, 46045 ± 3492; obB1, 30875 ± 2311 (mg/dL).min, p< 0,01). Adicionalmente, foi observado aumento do peso do fígado nestes animais, quando mais velhos (obWT, 3,29 ± 0,24; obB1 4,09 ± 0,06 g, p<0,001). Em conclusão, o silenciamento do gene do B1R oferece uma proteção contra a obesidade com um significativo impacto na homeostase da glicose. Estes resultados sugerem que o SCC pode ser um novo alvo para desenvolvimento de novas estratégias farmacológicas para o tratamento de doenças metabólicas como obesidade e diabetes mellitus tipo 2.
Abstract: The kallikrein-kinin system (KKS) is involved in many biological processes such as modulating pain, vasodilation, vascular permeability, edema and inflammation, with effects mediated by two specific receptors coupled to G protein, B1 and B2 kinin receptor. The KKS has recently been associated with glucose homeostasis and insulin resistance. The aim of this study was to investigate the participation of B1 receptor (B1R) of kinins in the metabolic processes related to obesity and type 2 diabetes in obese mice. For this we used mice deficient for leptin and knockouts for B1R kinin (obB1). When compared, the animals obB1 showed a reduction in food intake in the whole study period (4 to 26 ° week of life); less weight gain, both at 3 months (obWT, 63.79 ± 1.59; obB1, 51.22 ± 1.09 g, p <0.001) and at 6 months of age (obWT, 74.61 ± 1, 04; obB1, 57.98 ± 1.58 g, p <0.001); and less fat deposit. In the glucose tolerance test, obB1 animals had higher glucose uptake than their controls when young (obWT, 46045 ± 3492; obB1, 30875 ± 2311 (mg / dL) .min, p <0.01). Additionally, there was an increase in liver weight in these animals, while older (obWT, 3.29 ± 0.24, 4.09 ± 0.06 g obB1, p <0.001). In conclusion, the B1R gene silencing offers a protection against obesity have a significant impact on the glucose homeostasis. These results suggest that the KKS may be a new target for the development of new pharmacologic strategies for treating metabolic diseases such as obesity and type 2 diabetes mellitus.
Keywords: Bradicinina
des-Arg9-bradicinina
Metabolismo
Síndrome metabólica
Bradykinin
des-Arg9-bradykinin
Metabolism
Metabolic syndrome
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Nutrição
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos
Citation: ZANELLA, Renata. Influência do receptor B1 de cininas na fisiopatologia da obesidade e do diabetes mellitus tipo 2 em camundongos ob/ob. 2016. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos, Faculdade de Nutrição, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2016.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3933
Issue Date: 26-Aug-2016
Appears in Collections:Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Renata_Zanella.pdf561,72 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons