Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3941
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Estado nutricional nos primeiros anos de vida: a importância da alimentação complementar
Other Titles: Nutritional status in the early years: the importance of complementary feeding
metadata.dc.creator: Neves, Alice Magagnin
metadata.dc.description.resumo: Alimentação Complementar (AC) é o período no qual os lactentes passam a receber gradualmente outros alimentos, visto que o leite materno sozinho já não é suficiente para satisfazer todas as necessidades nutricionais. Como nesse período a criança apresenta rápido crescimento e desenvolvimento, o papel dos nutrientes é crucial, inclusive como forma de estabelecer o adequado hábito alimentar da criança no presente e no futuro. Assim, os objetivos do atual trabalho foram avaliar como e quando a alimentação complementar inicia, o perfil da AC, consumo de industrializados e o estado nutricional de crianças de 1-3 anos. A amostra consistiu de 79 crianças entre 1-3 anos, matriculadas em escolas públicas de Pelotas/RS. Avaliou-se Estatura/Idade, Peso/Idade e IMC/Idade (OMS, 2006), e foi aplicado um questionário estruturado aos pais/cuidadores. AC foi considerada precoce quando iniciou ˂ seis meses, na idade recomendada = seis meses e tardia quando ≥ oito meses. Os dados foram apresentados de forma descritiva. 16,5% das crianças foram consideradas com sobrepeso e 7,6% com obesas, segundo IMC/I, e 13,9% com peso elevado para idade, segundo P/I. A idade média para início da AC foi 5,3 meses. O último alimento oferecido foi a carne. Antes dos seis meses, 43% receberam gelatina e 12,7% suco de caixinha. Entre seis meses e dois anos, 96,2% receberam biscoito recheado e 91,1% salgadinho.
Abstract: Complementary Feeding (CA) is the period where infants gradually receive other foods, since breast milk alone is no longer sufficient to meet all nutritional needs. In this period the child is rapidly growing and developing, the role of nutrients is crucial, including as a way to establish the child's current eating habits in the present and future. So, the objectives were to assess how and when complementary feeding (CA) started, CA profile, consumption of industrialized foods and the nutritional status of children aged 1-3 years. The sample consisted of 79 children with aged 1-3 years, enrolled in public schools in Pelotas/RS. Height/Age, Weight/Age and BMI/Age (WHO, 2006) were evaluated, and a questionnaire was applied to parents/caregivers. CA was considered early when it started ˂ six months, at the recommended age = six months and late when ≥ eight months. The data were presented in a descriptive. 16.5% of the children were considered overweight and 7.6% obese, according to BMI/A, and 13.9% of excess of weight for age, according to weight/A. The mean age for started CA was 5.3 months. The last food offered was meat. Before six months, 43% received gelatin and 12.7% juice. Between six months and two years, 96.2% received biscuit and 91.1% salty snacks.
Keywords: Alimentação complementar
Alimentos industrializados
Estado nutricional
Complementary food
Industrialized food
Nutritional status
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Nutrição
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos
Citation: NEVES, Alice Magagnin. Estado Nutricional nos Primeiros Anos de Vida: A importância da Alimentação Complementar. 75f. Dissertação (Mestrado em Nutrição e Alimentos) - Programa de Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2017.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3941
Issue Date: 10-Oct-2017
Appears in Collections:Pós-Graduação em Nutrição e Alimentos: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Alice_Neves.pdf981,26 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons