Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3989
Tipo: masterThesis
Título: Estudo de um Sistema Convectivo de Mesoescala (SCM) observado nos dias 19 e 20/02/2003 sobre o Rio Grande do Sul
Título(s) alternativo(s): Study of a Convective Mesoscale System (CMS) observed on 19 and 20 February 2003 on Rio Grande do Sul state
Autor(es): Pinto, Luciana Barros
Autor(es): Pinto, Luciana Barros
Resumo: Nesse trabalho, foi feito um estudo das características radiativas e morfológicas, utilizando a técnica ForTrACC (Vila, 2004) e um estudo do ambiente sinótico e dos perfis verticais de algumas variáveis, utilizando o modelo BRAMS, do caso de Sistema Convectivo de Mesoescala (SCM) mais precipitante sobre o Rio Grande do Sul, ocorrido entre novembro de 2002 a fevereiro de 2003. O caso selecionado foi o do dia 19 e 20/02/2003, onde apenas um sistema foi o responsável pela precipitação registrada nas estações meteorológicas em superfície. Esse teve o ciclo de vida de 23 horas, com início às 13 UTC do dia 19/02/03, maturação às 04 UTC e dissipação às 11:30 UTC do dia 20/02/03. Durante todo esse período, apresentou topos frios com núcleos com temperatura abaixo de 210 K. Ficou evidenciado também, que o sistema teve um comportamento semelhante ao modelo conceitual, onde primeiro sofre uma forte convecção, atingindo valores menores de temperatura, para depois se expandir no estágio de maturação. Pode-se concluir que a relação entre a temperatura mínima sobre as estações que foram mais afetadas pelo sistema, e a precipitação registrada em superfície foi inversa, com os maiores valores de precipitação coincidindo com os menores valores de temperatura mínima. Pela simulação feita com o modelo BRAMS, com saídas de 1 em 1 hora, pode-se detalhar todo o ambiente sinótico onde o SCM encontrava-se durante seu ciclo de vida, sendo capaz de reproduzir as condições favoráveis para sua iniciação, desenvolvimento e dissipação. Também foi possível descrever o comportamento dos perfis verticais do vento, umidade específica, velocidade vertical e temperatura potencial equivalente, para cada etapa do ciclo de vida do sistema.
Abstract: In this work, it was made a study of a Convective Mesoscale System(CMS) more precipitant on Rio Grande do Sul, occurred between November 2002 and February of 2003, where it was analyzed the: i) radioactive and morphologic characteristics the CMS, using the technique ForTrACC (Torres, 2004) and ii) sinoptic environment and vertical profiles of some meteorological variables, using BRAMS model. The selected case occurred on 19 and 20 February 2003, where just one system was the responsible for the precipitation registered in the meteorological stations in surface. This CMS had a life cycle of 23 hours, with beginning at 13 UTC from 02/19/03, maturation at 04 UTC from 02/20/03 and dissipation at 11:30 UTC from 02/20/03. During that whole period, it presented cold tops with nuclei with temperature below 210 K. It was evidenced also, that the system had similar behavior to the conceptual model, where first suffers a strong convection, reaching smaller values of temperature, for later to expand in the maturation phase. It can be ended that the relationship between the minimum temperature on the stations that were more affected for the system, and the precipitation registered in surface was inverse, with the higher precipitation values coinciding with the smallest values of minimum temperature. For the simulation made with the BRAMS model, using an interval of exits of 1 hour, could be detailed the whole synoptic environment where CMS was during its life cycle, being able to reproduce the favorable conditions for its initiation, development and dissipation. It was also possible to describe the behavior of the vertical wind profiles, specific humidity, vertical speed and equivalent potential temperature, for each stage of the system life cycle.
Palavras-chave: Sistemas convectivos de mesoescala
Ciclo de vida
Ambiente sinótico
Perfil vertical
Convective Mesoscale System
Life cycle
Synoptic environment
Vertical profile
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::METEOROLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Pelotas
Sigla da Instituição: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Meteorologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Meteorologia
Citação: PINTO, LUCIANA BARROS. MS., Universidade Federal de Pelotas, Fevereiro 2006. Estudo de um Sistema Convectivo de Mesoescala (SCM) observado nos dias 19 e 20/02/2003 sobre o Rio Grande do Sul. Professora Orientadora: Drª. Cláudia Rejane Jacondino de Campos.
Tipo de Acesso: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3989
Data do documento: 11-Fev-2006
Aparece nas coleções:Pós-Graduação de Meteorologia: Dissertações e Teses

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_Luciana_Barros_Pinto.pdf769,98 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons