Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1916
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Concepções epistemológicas e pedagógicas da ação docente de professores de Ciências
Other Titles: Concepções epistemológicas e pedagógicas da ação docente de professores de Ciências
metadata.dc.creator: Fersula, Michele Gonçalves
metadata.dc.description.resumo: As falas, argumentos e justificativas que envolvem a prática de ensino e aprendizagem, revelam muitas vezes as percepções teóricas nas quais os professores estão imersos. Estas percepções não são criadas por acaso, partem de uma ideia de que assim está por ser natural. Surgem como possibilidade de desenvolver seu trabalho e como reflexo de vivências que, por sua vez, fundamentam as concepções que cercam os professores. O educador adere ao conjunto de valores e princípios que, para ele, são importantes no desenvolvimento das aprendizagens. Apropriam-se de determinados modos de agir, que são influenciados por uma razão profissional, assim como também por uma razão pessoal. Este composto incorporado à prática pedagógica constituiu a epistemologia da prática docente, e se traduz em um modelo pedagógico que revela as concepções dos professores sobre os modos de ensino e de aprendizagem. Destas inferências emerge a necessidade de compreender qual é a epistemologia do professor de ciências do município de Pelotas RS e como esta se processa na prática de ensino. A pesquisa qualitativa foi utilizada como base de investigação e dois eixos nortearam este estudo, foram eles: as questões epistemológicas, e a prática dos professores. A análise dos dados permitiu identificar alguns aspectos da epistemologia que subsidia a prática dos docentes. Concluiu-se que existe uma diversidade de princípios epistemológicos articulados às concepções pedagógicas dos professores e que eles entendem naturalmente a propor uma prática que mescla conceitos de uma epistemologia construtivista com um modelo de ensino diretivo. Nestas práticas os professores mobilizam diferentes ritos que nem sempre se traduzem em aprendizagens significativas. Evidencia-se que o processo de reflexão da prática docente é limitado ou ausente e que este pode ser realizado através de um exame de autoconsciência, no qual o processo reflexivo e o estímulo ao desenvolvimento da autonomia são os elementos principais. Deste modo o professor poderá rever de maneira crítica as bases em que suas concepções pedagógicas se apóiam e refletem na construção de seu processo identitário e de sua prática profissional
Abstract: The speeches, arguments and justifications used by teachers in their everyday practice may reveal the theoretical perception in which they are immersed. Such perceptions are not created at random, otherwise they come from the assumption that it is natural to be and thinks this way. They emerge as a possibility to carry out their job and as a reflex of what they have lived, which, in turn, fundaments the conceptions that surround them. The teachers adhere to a set of values and principles that are considered to be relevant to promote learning. They assume some behaviour influenced by both the professional environment and personal reasons. Professional and personal reasons incorporated to the pedagogical practice comprise the epistemology of teaching practice, which are translated in a pedagogical model that reveals the conceptions of the teachers regarding teaching and learning. Based on it, we investigated the epistemology of science teachers working for the city hall in Pelotas (RS Brazil) and how this affects their teaching practice. Qualitative research concepts were used along with two key concepts: epistemological issues and teacher s practice. The results showed there is a diversity of epistemological principles along with the pedagogical conceptions of the teachers and for them it is natural to mix a constructivist approach with a model of behaviourist teaching. In such practices the teachers mobilize different rituals that are not always transformed into effective learning. We should call the attention to the fact that the act of thinking about their own teaching practice is a limited or inexistent one, and we believe that such act can be achieved by metanalysis, being the reflexive process and the development of autonomy the key elements. If they do so, the teachers may review the bases on which their pedagogical conceptions are built and then be able to think about their identity process and professional practice on a more critical base
Keywords: Epistemologia da prática docente
Modelos epistemológicos
Modelos pedagógicos
Professor reflexivo
Epistemology of teaching practice
Epistemological models
Pedagogical models
Reflective teachers
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática
Citation: FERSULA, Michele Gonçalves. Concepções epistemológicas e pedagógicas da ação docente de professores de Ciências. 2013. 85 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Faculdade de Educação, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2013.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1916
Issue Date: 23-Oct-2013
Appears in Collections:Pós-Graduação em Ensino de ciência e matemática: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Michele_Goncalves_Fersula_Dissertacao.pdf574,13 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.