Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3340
metadata.dc.type: masterThesis
Title: A geografia e a educação infantil: as estratégias de formação do professor pelos poderes públicos municipal e estadual na região da 5ª Coordenadoria Regional de Educação.
Other Titles: Geography Education and Children Education: training strategies teacher by municipal and state governments in the region of the 5th Regional Coordination of Education
metadata.dc.creator: Pieper, Carmen Isabel
metadata.dc.contributor.advisor1: Oliveira, Giovana Mendes de
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa parte do pressuposto que a representação do espaço para a criança é uma construção internalizada a partir das ações e das manipulações sobre o ambiente espacial próximo do qual ela faz parte. Dessa forma, a investigação teve por finalidade abordar o Ensino da Geografia na Educação Infantil, haja vista sua notória importância desde as idades mais tenras, por contribuir para o desenvolvimento de noções de representação, orientação, paisagem, lateralidade, lugar e espaço. Considerando o contexto exposto, a presente pesquisa destina-se a responder a seguinte questão: fundamentando-se nas propostas de políticas públicas para a educação infantil, quais são as orientações existentes para qualificar seu ensino de geografia no âmbito da 5ª CRE, realizadas pelos municípios e estado? Para respondê-la, objetivou-se compreender o que está sendo proposto pelos poderes públicos nas esferas estadual e municipal em Pelotas e seu entorno para o ensino de Geografia na Educação Infantil. Seu quadro conceitual foi composto majoritariamente pelo Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil, com ênfase nas propostas curriculares para a Educação Infantil, e as Diretrizes Curriculares para Educação Infantil, aprofundando-os com teóricos da geografia que discutem séries iniciais e Educação Infantil, além de alguns autores que trabalham com conceito de ludicidade. A análise foi centrada no conceito de espaço, lugar, paisagem, corpo e lateralidade. Compõe a metodologia entrevistas semiestruturadas, aplicadas com as servidoras responsáveis pela da Educação Infantil nas cidades já determinadas e na sede da 5ª CRE. Com a conclusão da pesquisa, constatou-se que há uma descaracterização da atividade docente enquanto profissional da Educação Infantil, fazendo com que o conhecimento geográfico seja trabalhado com as crianças calcado no espontaneismo, desprovido de claros objetivos a serem atingidos. Averiguou-se também que o RCNEI carece de aprofundamento e atualização, no que se refere à ciência geográfica, o RCNEI a aborda de forma demasiadamente simplificada e sem aprofundamentos, sobretudo quanto a caros e fundamentais elementos que subsidiam o entendimento do espaço. E, por fim, constatou-se a necessidade de uma formação permanente do professor da Educação Infantil. Portanto, torna-se muito difícil ainda, nessa conjuntura, acreditar que as estruturas de pensamento das crianças sofrerão mudanças significativas que repercutam na possibilidade de elas compreenderem de modo diferenciado tanto os objetos quanto a linguagem usada para representá-los, como bem aconselhou o Referencial.
Abstract: The present work assumes the space representativeness to a child is an inner construction from actions and manipulations upon the special environment which belongs to. Therefore, the investigation aimed to approach Geography teaching in Children's Education, considering its notorious importance since early ages, due to its contribution to the development of notions of representation, orientation, landscape, laterality, place and space. Regarding the exposed context, in this research we wish to answer the following question: basing on public policies proposals to children's education, which are the existent orientations to qualify children education on teaching Geography within 5ª CRE by the cities and the state ? To answer it, it was aimed to understand what is being proposed by public authorities in the state and in the city in Pelotas and around to Geography teaching in children's education. Its conceptual aspect was mainly composed by Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil, with emphasis in the curricular proposals to children's education, and the Diretrizes Curriculares para Educação Infantil. Its concept were manly composed by Referêncial Curricular Nacional para a Educação Infantil, deepining those with Geography theorists who discuss inicial grades and Children Education, besides some authors who work with ludicity. The analyses was centered in the concept of space, place, landscape, body and laterality. It composes the metodology semistructured interviews, aplied with servers responsible for children education in cities that have already been determined by 5ª CRE. In the conclusion it was found that there is one mischaracterization of the teaching process while children's education professionals which turns the geographic knowledge is worked based on spontaneism, destituted of clear goals to be achieved. It was also investigated that RCNEI lacks of deepening and updating, concerning geographic science, RCNEI approaches the topic in a simpler way and without any deepening, especially regarding space fundamental elements. Finally, have been discovered a necessity of permanent formation of children education teacher. Thus, it is even harder, in this conjecture, thinking that children's structure thoughts will suffer any profound changes that reverberates in the possibility of them understanding in different way both objects and language used to represent them, as the referential has been advised.
Keywords: Geografia
Estudo e ensino
Educação de crianças
Geography education
Children education
Public policy
Playfulness
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geografia
Citation: PIEPER, Carmen Isabel. A geografia e a educação infantil: as estratégias de formação do professor pelos poderes públicos municipal e estadual na região da 5ª Coordenadoria Regional de Educação. 2015. 141 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Programa de Pós-Graduação em Geografia. Instituto de Ciências Humanas. Universidade Federal de Pelotas, 2015.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3340
Issue Date: 9-Oct-2015
Appears in Collections:PPGeo: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PIEPER, Carmen Isabel.pdf5,56 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons