Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3414
Tipo: masterThesis
Título: O trabalho como determinante de morbidade comum em uma indústria de celulose e papel.
Autor(es): Fassa, Anaclaudia Gastal
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Tomasi, Elaine
Resumo: Objetivo: Identificar as associações das doenças comuns e dos acidentes de trabalho com setor, descrevendo as cargas de trabalho e realizando um amplo controle de fatores de confusão. Metodologia: Através de delineamento transversal, estudou-se a totalidade dos trabalhadores de uma indústria de celulose e papel (n=638). Utilizando um questionário padronizado, realizou-se entrevistas na própria fábrica caracterizando a percepção dos trabalhadores sobre as exposições ocupacionais e a morbidade. Selecionou-se, para a análise multivariada, as 30 morbidades que mostraram associações significativas na análise bivariada ou foram de alta prevalência, estabelecendo-se o perfil de morbidade por setor. Resultados: A área industrial caracterizou-se pelo excesso de problemas auditivos, respiratórios e acidentes, possivelmente relacionados com as altas prevalências de ruído, poeira, mudanças bruscas de temperatura e exposições a substâncias químicas, além do trabalho físico pesado e exposições a situações de risco. A administração apresentou um aumento de problemas nos olhos, dor nas costas, irritação e nervosismo que parecem ter relação com a falta de autonomia e criatividade no trabalho, problemas ergonômicos e esforço visual. Conclusão: O estudo confirmou não só as altas prevalências de doenças comuns, mas também sua relação com as particularidades do processo de trabalho indicada pela categoria setor.
Abstract: Objective: To identify associations of common diseases and work accidents to each department, describing the work loads and doing a wide control of the confounding factors. Methodology: We have studied all workers from a pulp and paper industry, through a cross-sectional design, interviewing them in their workplace (n=638) using a standardized questionnaire. We have characterized the perception of the workers about their occupational exposures and health problems. For the logistic regression, we have selected thirty morbidities that had shown significant associations or high prevalences in the descriptive analysis, establishing a profile for each department. Results: The industrial area had excess of auditive and respiratory problems as well as accidents. These morbidities were probably related to high prevalences of noise, dust, sudden changes of temperature, chemical exposures, besides excessive effort and high risk situations. Moreover, the management group showed an excess of eye problems, backache, irritation and nervousness that seems to be related to lack of autonomy and creativeness at work, ergonomic problems and strained eyesight. Conclusion: The study confirmed not only the high prevalences of common diseases, but also their relation to the specific features of the work process indicated by each department category.
Palavras-chave: Epidemiologia
Saúde do trabalhador
Doença comum
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::EPIDEMIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Pelotas
Sigla da Instituição: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Medicina
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia
Citação: Fassa, Anaclaudia Gastal. O trabalho como determinante de morbidade comum em uma indústria de celulose e papel. Pelotas, 1995. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia, Faculdade de Medicina, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 1995.
Tipo de Acesso: OpenAccess
URI: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3414
Data do documento: 1-Abr-1995
Aparece nas coleções:Pós-Graduação em Epidemiologia: Dissertações e Teses

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
VOLUME mestrado anaclaudia.pdf350,46 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons