Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4348
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Diretrizes para projeto de Interfaces Gráficas do Usuário (IGU) com interação baseada em movimentos de cabeça
Other Titles: Guidelines for Graphical User Interface (GUI) design with interaction based on head movements
metadata.dc.creator: Costa, Vinicius Kruger da
metadata.dc.description.resumo: Novas formas de interação com Interfaces Gráficas do Usuário (IGU) têm sido cada vez mais utilizadas em diferentes contextos. A evolução tecnológica permitiu que hoje tivéssemos acesso a uma variedade de novos dispositivos e/ou softwares que permitem a manipulação de informações nos sistemas computacionais de modo não convencional. Dentre os cenários de uso desses novos estilos de interação, destaca-se pelo seu potencial de impacto, o uso de dispositivos de interação para provimento de acessibilidade, especialmente para facilitar o uso do computador. No Brasil 23,9% da população apresenta algum tipo de deficiência, sendo que desse universo 7% tem deficiência motora, desde restrições leves temporárias até condições severas e permanentes. Garantir a acessibilidade desses usuários ao uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) tem sido assunto recorrente de pesquisas na área da Interação Humano-Computador (IHC). Através do uso de Tecnologia Assistiva (TA), usuários com algumas capacidades preservadas conseguem utilizar-se de diversos tipos de interação para entrada de dados de dados, sendo uma das mais utilizadas as baseadas no uso do rastreamento de movimentação de cabeça/olhos. Contudo essa adaptação na forma de interação ocorre somente numa das partes da Interface do Usuário (IU) não garantindo a melhor experiência de uso dessas tecnologias quando em conjunto com a saída nas IGU, as quais são comumente utilizadas na maioria das TICs do nosso cotidiano (computadores, smartphones, tablets, jogos eletrônicos). Portanto, o objetivo geral desse trabalho é desenvolver diretrizes para projetos de novas IGU que utilizam de interação baseada no rastreamento do movimento de cabeça. Através da Revisão Sistemática de Literatura (RSL), definiu-se o estado-da-arte na área de pesquisa e a necessidade de desenvolvimento do trabalho com práticas do Design Centrado no Usuário (DCU) com ciclos de experimentos. O resultado desse trabalho apresenta um conjunto abrangente de boas práticas para designers de interação no projeto de IGU mais aderentes às tecnologias que permitem essa interação baseada em movimento da cabeça, com acessibilidade e uma melhor experiência de uso.
Abstract: New forms of interaction with Graphical User Interface (GUI) are increasingly used in different contexts. Technological evolution has allowed access to a variety of new devices / softwares that manipulate information in computional applications in an unconventional way. Among the various contexts, accessibility is highlighted by the potential use of these new interaction devices, with the aim to allow use of computers by people with disabilities. In Brazil 23.9% of the population has some type of disability, 7% of them motor disability, ranging from temporary, severe and permanent conditions. Promove accessibility to the use of Information and Communication Technologies (ICTs) has been a recurring subject of research in the area of Human-Computer Interaction (HCI). Through of Assistive Technology (AT), users with some abilities can use various types of interaction for data input, the most used are based on head/eyes movement tracking. However, this adaptation in the form of interaction occurs only in one of the sides of the User Interface (UI), not guaranteeing the best experience of using when combined with data output in the GUI, which are used in most everyday ICTs (computers, smartphones, tablets, digital entertainment). Therefore, the aim of this work is to provide guidelines for new GUI projects that use interaction based on head movement tracking. Through Systematic Review of Literature (SRL), state-of-the-art was defined in the research area and the need to develop the work with User-Centered Design (UCD) approach with cycles of experiments. The result of this work presents a comprehensive set of best practices for interaction designers in GUI design with technologies that allow this interaction based on head movement, promoving accessibility and a better user experience.
Keywords: Interação humano-computador
Interface de usuário
Tecnologia assistiva
Interface gráfica de usuário
Human-computer interaction
User interface
Assistive technology
Graphical user interface
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Centro de Desenvolvimento Tecnológico
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Computação
Citation: COSTA, Vinicius Kruger da. Diretrizes para projeto de Interfaces Gráficas do Usuário (IGU) com interação baseada em movimentos de cabeça. 2018. 171 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) – Programa de Pós-Graduação em Computação, Centro de Desenvolvimento Tecnológico, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2018.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4348
Issue Date: 18-May-2018
Appears in Collections:Pós-Graduação em Computação: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Vinicius_Kruger_da_Costa.pdf27,49 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons