Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/5804
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Rede de Apoio Social dos Usuários de Centro de Atenção Psicossocial e Moradores de Residenciais Terapêuticos.
Other Titles: Social Support Network of Users of Psychosocial Care Center and Residents of Residential Therapeutic.
metadata.dc.creator: Lima, Zélma Gulart de
metadata.dc.contributor.advisor1: Coimbra, Valéria Cristina Christello
metadata.dc.description.resumo: Novos olhares foram incorporados à condução do cuidado em saúde mental, e, os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e os Serviços Residenciais Terapêuticos (SRT) assumiram especial relevância, como serviços estratégicos no processo da reforma psiquiátrica, por integrar a rede de saúde mental, reabilitando e restabelecendo o retorno social em substituição ao modelo anterior que estava centrado no isolamento. Cabe destacar que o enfoque no apoio social das pessoas com sofrimento psíquico pode potencializar ações em respeito às suas singularidades e subsidiar a articulação entre o tratamento e a convivência na sociedade. As fontes de apoio social são fundamentais, à medida que proporcionam assistência e encorajamento para os indivíduos com dificuldades físicas ou emocionais para que eles possam superar suas limitações. Este estudo é um subestudo do Projeto quantitativo da pesquisa REDESUL (Redes que reabilitam: avaliando experiências inovadoras de composição de redes de atenção psicossocial). A coleta de dados do projeto quantitativo foi realizada em cinco municípios do Rio Grande do Sul (RS), por cinco entrevistadores por município, no período de setembro a dezembro de 2009. Trata-se de estudo epidemiológico de delineamento transversal com o objetivo de descrever a percepção do apoio social dos usuários CAPS e moradores de SRT. O desfecho do estudo, apoio social percebido, foi aferido através da versão do SSQ-27 (Support Social Questionnaire) e as variáveis independentes incluíram aspectos demográficos, socioeconômicos, morbidade, apoio familiar e social. Entrevistou-se 392 sujeitos, sendo 249 usuários de CAPS e 143 moradores de SRT, em 39 serviços (6 CAPS e 33 SRT). Os resultados indicam as maiores médias de satisfação e de número de apoio social percebidos em mulheres, casados ou com companheiro, com renda no último mês em mais de dois salários mínimos, e que recebem apoio financeiro. Além destes importantes achados o estudo contribuiu para identificar a importância do apoio social no processo de recuperação. O estudo atingiu seu objetivo que foi avaliar a percepção de apoio social de pessoas portadoras de sofrimento psíquico advindos de longos períodos de internações psiquiátricas que moram em SRT em comparação com usuários de CAPS. Finalmente destaca-se a potencialidade de estudos epidemiológicos abrangentes na avaliação das condições do apoio social. Este estudo permitiu a identificação de fatores que possibilitam aproximar moradores e usuários das políticas públicas e das propostas nas áreas de Atenção Básica e de Saúde Mental, com a percepção voltada para a identificação de fontes de apoio social.
Abstract: Due to new laws that propose some transformations, new perspectives were incorporated into care provision to patients with mental disorders. In the current scenario, the Centers for Psychosocial Care (CAPS) and therapeutic residential services (SRT), are of special relevance as strategic services in the psychiatric reform process by integrating mental health network, rehabilitating and restoring the social reinsertion to replace previous models that were centered in isolation. It is worth noting that the social support enhances actions that respect the individual´s singularities, supporting treatments where people with mental disorder can live in society. Thus, this support becomes crucial as it provides assistance and encouragement to individuals with physical or emotional disability so they can overcome their limitations. This study is a subproject of the REDESUL Project Networks that rehabilitate: evaluating innovative experiences of composing networks of psychosocial care. The collection of quantitative data was conducted by five interviewers in each of the chosen five municipalities in Rio Grande do Sul (RS), from September to December 2009. It is a cross-sectional epidemiological study aimed to describe the perception of social support by the Psychosocial Care Center (CAPS) users and the residents of Therapeutic Residential Service (SRT). The outcome of the study, perceived social support, was measured using the version of SSQ-27 (Social Support Questionnaire) and the independent variables included demographic, socioeconomic, morbidity, family and social support. 392 subjects were interviewed, being 249 CAPS users and 143 residents of SRT in 39 services (6 and 33 CAPS SRT). The results have shown the highest satisfaction degree among women, married or with a partner, with an income in the last month higher than two minimum wages that received financial support. The study has identified the importance of social support in the recovery process and has reached its purpose of evaluating the user perception of mental health with social support coming from long periods of psychiatric living in SRT compared with users Caps. Finally, the potential for comprehensive epidemiological studies in assessing the conditions of social support is highlighted. This study allowed the identification of factors associated with social support, recommending measures to improve public in the areas of Primary Care and Mental Health, aiming to improve the identification of sources of social support.
Keywords: Enfermagem
Apoio social
SSQ - Questionário de suporte social
Apoio social percebido
Desinstitucionalização
Serviços de saúde mental
Nursing
Social support
Social support questionnaire
Perceived social support
Deinstitutionalization
Mental health services
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Enfermagem
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
Citation: LIMA, Zélma Gulart de. Rede de Apoio Social dos Usuários de Centro de Atenção Psicossocial e Moradores de Residenciais Terapêuticos. 2013. 127 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) – Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Faculdade de Enfermagem, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2013.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/5804
Issue Date: 19-May-2013
Appears in Collections:Pós-Graduação em Enfermagem: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Zelma_Gulart_de_Lima.pdf1,47 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons