Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1726
metadata.dc.type: masterThesis
Title: A relaçao morfologia- ortografia: um estudo sobre as representações de alunos do ensino fundamental
Authors: Duarte, Taiçara Farias Canez
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa, vinculada a uma linha de estudos voltada à compreensão dos processos de aquisição da escrita, tem como objetivo geral mapear as representações de alunos acerca da ortografia e da morfologia da língua portuguesa e analisar o efeito de atividades de ensino da ortografia, concernentes a aspectos da morfologia, sobre o desempenho ortográfico e sobre as mudanças representacionais que possam vir a ocorrer. A pesquisa foi desenvolvida em duas etapas, ambas realizadas com alunos do Ensino Fundamental de uma escola da Rede Pública Municipal de Pelotas. Por meio de três instrumentos de coleta de dados e de uma entrevista clínica, a primeira etapa da pesquisa avaliou o conhecimento dos alunos sobre determinados morfemas da língua e analisou uma possível relação entre o conhecimento sobre os morfemas e o desempenho ortográfico dos alunos. A segunda etapa consistiu em desenvolver uma prática de ensino de regras ortográficas de base morfológico-gramatical e observar o efeito dessa prática sobre possíveis modificações no desempenho ortográfico do aluno, o que pode ser interpretado como mudanças representacionais referentes ao conhecimento enfocado. Os resultados, de modo geral, evidenciam que os alunos manipulam os morfemas da língua, embora o controle que possuam sobre esses processos esteja correlacionado ao tipo de morfema envolvido, sendo alguns mais acessíveis do que outros. Na primeira etapa do estudo, em que se trabalhou com o sufixo formador de profissões, o prefixo de negação in- e a flexão verbal, os alunos, de modo geral, utilizaram os sufixos selecionados pela língua para a formação de agentivos e apresentaram facilidade para explicitar verbalmente seus conhecimentos acerca do prefixo, porém não conseguiram verbalizar seus conhecimentos em relação à flexão verbal, mesmo tendo utilizado as desinências em acordo com os paradigmas verbais. No que diz respeito ao efeito das intervenções didáticas, há indícios de que o trabalho de explicitação da relação entre morfemas e ortografia pode levar o aluno a uma reelaboração de suas representações, entretanto, esse resultado será influenciado também pelo tipo de morfema envolvido. Os dados dessa segunda etapa apontam para um avanço dos alunos no que diz respeito à compreensão e à grafia do morfema esa. Não notamos, porém, a mesma evolução no que tange ao conhecimento acerca das flexões verbais. Os resultados da pesquisa apontam, de modo geral, para a necessidade de que sejam realizados estudos que investiguem a relação entre os morfemas da língua e a aprendizagem dessas unidades em nível de explicitação verbal.
Abstract: This research, which is connected to studies of the comprehension of the writing acquisition processes, aims at mapping students representations regarding the orthography and the morphology of Brazilian Portuguese, as well as analyzing the effects of orthography teaching tasks that address the morphology aspects of the orthographic performance and of the representational changes that may happen. The research was carried out in two steps with elementary school students in a public school in Pelotas, RS. By using three tools for data collection and an interview, the fist step evaluated the knowledge students have about certain morphemes of the language and analyzed whether there is a relation between their knowledge about the morphemes and their orthographic performance. The second step consisted of developing a practice to teach orthographic rules with a morphological-grammatical basis and observing the effect of this practice on the student s orthographic performance; modifications may be interpreted as representational changes regarding this knowledge under investigation. In general, results show that students manipulate the morphemes in the language, although the control they have over these processes is related to the type of morpheme, since some are more accessible than others. During the first step of the study, in which the suffix that forms occupations, the negative prefix in-, and verbal flexion were worked on, the students, in general, used the selected suffixes to form agentives and verbally explained their knowledge about the prefix easily. However, they could not verbalize their knowledge about the verbal flexion, even though they had used the verb endings according to verbal paradigms. Regarding the effect of the didactic interventions, there is evidence that work on the explicitation of the relation between morphemes and orthography can make the student re-elaborate his/her representations; however, this result will also be influenced by the type of morpheme under study. On one hand, data collected during the second step show that students have improved regarding the comprehension and the spelling of the morpheme esa. On the other hand, the same evolution was not observed in relation to the knowledge about verbal flexion. In general, the results of the research show the need to carry out studies to investigate the relation between the morphemes of the language and the learning of these units so that verbal explicitation can be achieved.
Keywords: Ortografia-morfologia
Redescrição representacional
Ensino e aprendizagem da ortografia
Orthography-morphology
Representational redescription
Teaching and learning orthography
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO ENSINO E DA APRENDIZAGEM::APRENDIZAGEM E DESEMPENHO ACADEMICOS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citation: DUARTE, Taiçara Farias Canez. A relaçao morfologia- ortografia: um estudo sobre as representações de alunos do ensino fundamental. 2010. 107 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1726
Issue Date: 15-Apr-2010
Appears in Collections:Pós-Graduação em Educação: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Taicara_Farias_Canez_Duarte_Dissertacao.pdf2,7 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.