Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1892
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Plantas medicinais no cuidado em saúde de moradores da Ilha dos Marinheiros: contribuições à enfermagem
Other Titles: Medicinal plants in health care to residents of Ilha dos Marinheiros: contributions to nursing
metadata.dc.creator: Borges, Anelise Miritz
metadata.dc.description.resumo: As plantas medicinais são recursos terapêuticos incorporados no plano de cuidado dos indivíduos desde a existência dos primeiros grupos civilizatórios, que buscavam na natureza estratégias para aprimorar a sua condição de vida e garantir a sua sobrevivência. Assim, várias culturas, em especial a indígena, a africana e a européia, influenciaram na edificação dos saberes e no consumo das plantas medicinais. Esta ação colaborou para o fomento da variabilidade étnica e cultural do Brasil e, por conseqüência, o surgimento de várias formas de utilização das plantas com fins terapêuticos no mundo todo. O objetivo do estudo foi compreender a utilização das plantas medicinais no cuidado a saúde dos moradores da Ilha dos Marinheiros, sul do Rio Grande do Sul. A pesquisa foi qualitativa, exploratória e descritiva conduzida na Ilha dos Marinheiros, município de Rio Grande. Este trabalho fez parte do projeto Plantas bioativas de uso humano por famílias de agricultores de base ecológica na região Sul do Rio Grande do Sul , desenvolvido pela Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Pelotas e Embrapa Clima Temperado. Foram abordados 12 informantes-chaves, selecionados a partir do método de bola-de-neve proposto por Goodman. A coleta de dados ocorreu de fevereiro a julho de 2010. Os instrumentos utilizados foram: entrevista semiestruturada gravada, registro fotográfico das plantas, ecomapa, georreferenciamento e observação de campo. O referencial teórico adotado se fundamenta na compreensão da cultura e saúde por Clifford Geertz e Madeleine Leininger. O trabalho foi aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa da Faculdade de Medicina UFPel (072/2007) e recebeu autorização do Núcleo de Educação Permanente da Saúde de Rio Grande (42/09). Foi utilizada a análise temática, estruturada em dois temas: as práticas de saúde e as plantas medicinais no contexto da Ilha dos Marinheiros, discutindo-se nesta as interfaces com a enfermagem. Dentre os resultados, destaca-se que as plantas medicinais fazem parte da história e cultura locais e representam um recurso importante para a realização do cuidado em saúde entre os ilhéus. Composta predominantemente por descendentes de imigrantes portugueses, esta comunidade é munida de um saber popular aprendido entre as suas gerações familiares, e utiliza as plantas medicinais tanto para minimizar um sintoma que interfira na saúde, como para prevenir uma situação de mal-estar ou doença. Esta ação é realizada sem dosagem e identificação taxonômica específicas. Deste modo, o resgate etnobotânico e o conhecimento científico necessitam estar conectados com o processo de transculturação dos saberes populares sobre as plantas medicinais, de forma que a enfermagem as utilize em busca da valorização da cultura local com práticas eficazes em saúde.
Abstract: Medicinal plants are therapeutic resources incorporated into the plan of individuals care since the first civilization groups, which seeking strategies in nature to improve their living conditions and ensure its survival. So, many cultures, especially indigenous, African and European, influenced the building of knowledge and consumption of medicinal plants. This action contributed to the promotion of ethnic and cultural variability in Brazil and, consequently, to the emergence of various uses worldwide of plants for medical purposes. The aim of this study was to understand the use of medicinal plants in health care by residents of Ilha dos Marinheiros, southern Rio Grande do Sul state, Brazil. The research was qualitative, exploratory and descriptive and was conducted at Ilha dos Marinheiros, county of Rio Grande. This work was part of the project "Bioactive plants for human use by families of ecological farmers in southern Rio Grande do Sul state", developed by the School of Nursing, Federal University of Pelotas and Embrapa Temperate Agriculture. Twelve key informants were selected by the method of snow-ball proposed by Goodman. Data were collected from February to July 2010. The instruments used were semistructured interviews, photographic documentation of plants, eco-map, georeferencing and field observation. The theoretical approach is based on understanding the culture and health by Clifford Geertz and Madeleine Leininger. The study was approved by Ethics and Research Committee, School of Medicine, UFPel (072/2007) and received authorization by Center for Continuing Education of Rio Grande Health (42/09). A thematic analysis, structured into two themes, was: health practices and medicinal plants in the context of Ilha dos Marinheiros, discussing the interfaces with nursing. Among the results, it is emphasized that medicinal plants are part of local history and culture, and represent an important resource for the attainment of health care among the islanders. This community is composed mainly by Portuguese descents, which have a popular knowledge learned from their family generations, and use medicinal plants without any specific dosage and without taxonomic identification, both for minimize a symptom and for prevent a disease. Thus, ethnobotanical rescue and scientific knowledge needs to be connected with the process of transculturation of popular knowledge related to medicinal plants, so that nursing uses them in search of the appreciation of local culture with effective practices in health.
Keywords: Culture
Cultura
Complementary therapies
Primary health care
Terapias complementares
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Enfermagem
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
Citation: BORGES, Anelise Miritz. Medicinal plants in health care to residents of Ilha dos Marinheiros: contributions to nursing. 2010. 129 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1892
Issue Date: 6-Dec-2010
Appears in Collections:Pós-Graduação em Enfermagem: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Anelise Miritz Borges.pdf1,01 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.