Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/2405
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Desenvolvimento e reforma agrária no território zona sul do Rio Grande do Sul: Os impactos dos assentamentos na percepção das famílias.
Authors: Silva, Patrícia Martins da
metadata.dc.description.resumo: A dissertação analisa os impactos da implantação dos assentamentos sobre a vida e o desenvolvimento das famílias assentadas, na região sul do estado do Rio Grande do Sul. Buscou-se com este estudo superar as correntes avaliações das políticas a partir dos números de sua execução, proporcionando uma avaliação a partir do resultado a que se propõe: a melhoria das condições de vida das famílias através do acesso a terra. Para isso considerou-se a opinião das famílias, levantadas a partir das entrevistas como principal instrumento de análise. O estudo foi realizado em dois assentamentos localizados em distintos contextos territoriais: o Assentamento Santa Lúcia, situado no município de Candiota RS, território de latifúndios; o Assentamento 12 de Julho localizado no município de Canguçu RS, território de minifúndios e forte presença de agricultura familiar; Os resultados foram discutidos a partir das cinco dimensões consideradas para discussão do desenvolvimento: social, cultural, econômica, ambiental e territorial. Os dados demonstraram um impacto positivo nas diferentes dimensões analisadas indicando uma melhoria significativa na qualidade de vida das famílias assentadas. A intensidade destes impactos é influenciada pelo contexto territorial onde estão inseridos os assentamentos, já que os dois casos estudados embora apresentem semelhanças, diferem-se quantitativamente e qualitativamente nos indicadores analisados. Outros impactos observados referem-se à expansão da consciência social proporcionada pelo processo vivenciado, desde a luta pela terra até a vida no assentamento. Constatouse dessa forma que a política de implantação de assentamentos, embora não provoque alterações significativas na estrutura fundiária, altera significativamente a vida das famílias assentadas, representando uma nova possibilidade. Embora haja um esforço de superação por parte das famílias assentadas, o desenvolvimento dessa política encontra-se limitado ao caráter que a delimita: a de política social compensatória.
Abstract: The dissertation analyzes the impacts of the implantation of the establishments on the life and the development of the seated families, in the south area of the state of Rio Grande do Sul. It was looked for with this study to overcome the currents evaluations of the politics starting from the numbers of his/her execution, providing an evaluation starting from the result the one that intends: the improvement of the conditions of life of the families through the access the earth. For that it was considered the opinion of the families, lifted up starting from the interviews as main analysis instrument. The study was accomplished in two located establishments in different territorial contexts: the establishment Santa Lúcia placed in the municipal district of Candiota - RS, territory of plantation; the Establishment 12 of located July in the municipal district of Canguçu - RS, territory of small properties and strong presence of family agriculture; The results were discussed starting from the five dimensions considered for discussion of the development: social, cultural, economical, environmental and territorial. The data demonstrated a positive impact in the different analyzed dimensions indicating a significant improvement in the quality of life of the seated families. The intensity of these impacts is influenced by the territorial context where the establishments are inserted, since the two cases studied away present similarities, they are differed quantitatively and qualitatively in the analyzed indicators. Other observed impacts refer to the expansion of the proportionate social conscience for the lived process, from the fight for the earth until the life in the establishment. It was verified in that way that the politics of implantation of establishments, although it doesn't provoke significant alterations in the structure land, it alters the life of the seated families significantly, representing a new possibility. Although there is a overcoming effort on the part of the seated families, the development of that politics is limited to the character that delimits her: the one of compensatory social politics.
Keywords: Reforma agrária
Desenvolvimento
Assentamento
Família
Agrarian reform
Development
Establishment
Family
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar
Citation: SILVA, Patrícia Martins da. Desenvolvimento e reforma agrária no território zona sul do Rio Grande do Sul: Os impactos dos assentamentos na percepção das famílias.. 2010. 115 f. Dissertação (Mestrado em Agricultura familiar) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2405
Issue Date: 19-May-2010
Appears in Collections:Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ Patricia_Martins_da_Silva.pdf3,25 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.