Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4366
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Visões de mundo e inter-relações no movimento Hip Hop em Pelotas
Other Titles: Worldviews and interrelations in the Hip Hop movement in Pelotas
metadata.dc.creator: Ienczak, Paulo Renato Souza
metadata.dc.contributor.advisor1: Gill, Lorena Almeida
metadata.dc.description.resumo: A dissertação apresentada discute o movimento Hip Hop na cidade de Pelotas- Rio Grande do Sul- Brasil, buscando compreender, a partir de aporte documental, bibliografia selecionada e entrevistas de História Oral, quais são os diálogos, semelhanças e diferenças dessa manifestação local em relação as suas vertentes nacionais (no caso o Hip Hop realizado na região do eixo Rio- São Paulo, que acaba influenciando o restante do país) e suas influências globais (que emanam principalmente dos Estados Unidos, berço da cultura Hip Hop no mundo). Através de reflexões sobre o próprio Hip Hop, procura-se entender como ele se configura em Pelotas em termos organizacionais, busca- se identificar um histórico - ainda que se tenha consciência de ser um histórico parcial - e ao mesmo tempo um perfil médio do movimento. Mais do que procurar essa representação nas fontes provenientes dos meios de comunicação e bibliografia existente, é nas narrativas dos próprios produtores culturais envolvidos com o Hip Hop que são encontradas as definições mais caras ao presente trabalho. O Hip Hop é um movimento multifacetado e nas suas diferenças internas reside um material importante para entender a relação de seus envolvidos com os demais grupos sociais, e quais são os locais e posições que os indivíduos almejam para si e para o grupo em que estão inseridos. Sendo assim, a representação social do movimento, a identidade de seus participantes, as relações intergeracionais dentro do Hip Hop pelotense e a análise dos diferentes posicionamentos sobre temas debatidos pelo movimento (que variam muitas vezes de acordo com a geração em que cada indivíduo está inserido) são o mote da pesquisa.
Abstract: The following dissertation revolves around the discussion of the Hip Hop movement in the city of Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, trying to understand, from documentary contribution, selected bibliography and oral history interviews, what are the dialogues, similarities and differences of this local manifestation in relation to their national sides (in that case Hip Hop made in the axis of the region Rio-São Paulo, which influences the rest of the country) and its global influences (emanating mainly from the United States, birthplace of Hip Hop culture in the world). Through reflections on the Hip Hop itself, trying to understand how it is configured in Pelotas in organizational terms, we seek to identify a historical- although it is aware of being a partial historical- and at the same time an average profile of the movement. More than seeking such representation in the sources from the media and existing bibliography, it is in the narratives of the cultural producers involved with Hip Hop is that we find the most expensive settings to this work. The Hip Hop is a multifaceted movement, and in its internal differences resides important material to understand the relationship of their involved with other social groups, and what are the locations and positions that people crave for themselves and for the group to which they belong. Therefore, the social representation of the movement, the identity of its participants, the intergenerational relations (between different generations) inside the Hip Hop from Pelotas and analysis of different positions on issues discussed by the movement (which often vary in accordance with the generation in which each individual is inserted) are the theme of the research.
Keywords: Hip Hop
Pelotas
Identidade
Intergeracionalidade
Identity
intergenerationality
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em História
Citation: IENCZAK, Paulo Renato Souza. Visões de mundo e inter-relações no movimento Hip Hop em Pelotas. Pelotas, 2016. 151f.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4366
Issue Date: 22-Aug-2016
Appears in Collections:Pós-Graduação em História: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Paulo Renato Souza Ienczak.pdf1,36 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons