Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4134
Tipo: masterThesis
Título: Potencial antimicrobiano e antitumoral de compostos fenólicos extraídos do bagaço oriundo da obtenção de azeite de oliva (Olea europea L.)
Título(s) alternativo(s): Phenolic compounds from the pomace of olive oil extraction (Olea europea L.)
Autor(es): Böhmer, Bruna Wendt
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Jacques, Andressa Carolina
Resumo: A extração do azeite de oliva gera grandes quantidades de resíduos, em média, apenas 21% do peso da azeitona correspondem a azeite, os 79% restantes consistem em água, casca, polpa e caroço, os quais constituem o bagaço. Cerca de 98% dos compostos fenólicos passam para o bagaço no processo de extração do azeite por duas fases. Com o intuito de obter alternativas para a utilização deste resíduo, e para o problema de fitotoxicidade causada pela alta concentração de compostos fenólicos, este estudo teve como objetivo otimizar a extração de compostos fenólicos do bagaço utilizando diferentes extratos metanólicos, e de avaliar potencial biológico destes extratos. A otimização da extração dos compostos fenólicos e a avaliação da atividade antioxidante (FRAP) foram realizadas por espectrofotometria, definindo as amostras a serem avaliadas pela aplicação da superfície de resposta, a qual constitui uma ferramenta estatística de planejamento experimental. Os dois extratos com maior concentração de compostos fenólicos foram selecionados para análise de atividade antitumoral e antimicrobiana in vitro. Através da metodologia de superfície de resposta foi possível observar que as duas condições que promoveram maior extração de compostos fenólicos foram obtidas no ensaio com 40% de metanol, 70 ºC e tempo de 180 minutos (ensaio 7), e com 80% de metanol, 70 ºC e tempo de 180 minutos (ensaio 8). A maior atividade antioxidante foi obtida no extrato com 40% metanol, 45 ºC e tempo de 180 minutos (ensaio 5). No teste de MTT, o extrato 7 apresentou atividade antitumoral frente à linhagem tumoral de glioma na concentração ≥ 100 μg.mL-1 em 24 horas de incubação, ≥ 500 μg.mL-1 em 48 horas e ≥ 200 μg.mL-1 em 72 horas de incubação; o extrato 8 exibiu atividade antitumoral na concentração ≥ 300 μg.mL-1 em 24 horas de incubação, ≥ de 200 μg.mL-1em 48 horas e ≥ 300 μg.mL-1 em 72 horas de incubação. No ensaio de Sulforodamina B, o extrato 7 exerceu atividade antitumoral frente á linhagem tumoral de glioma na concentração ≥ 200 μg.mL-1 em 24 horas de incubação, ≥ 50 μg.mL-1 em 48 horas e ≥ 100 μg.mL-1 em 72 horas de incubação; o extrato 8 demonstrou atividade antitumoral na concentração ≥ 100 μg.mL-1 nos três períodos de incubação. No teste de disco difusão os extratos selecionados apresentaram halos de inibição frente aos micro-organismos testados. No ensaio de concentração inibitória mínima os extratos selecionados exerceram atividade antimicrobiana moderada e fraca, respectivamente. Nos testes de concentração bactericida mínima os extratos não apresentaram atividade, demonstrando não ter ação bactericida, somente bacteriostática.
Abstract: Extraction of olive oil generates large amounts of waste. On average, only 21% of the weight of the olive corresponds to olive oil, the remaining 79% consists of water, bark, pulp and stone, which constitute bagasse. About 98% of the phenolic compounds pass into the bagasse in the process of extraction of the oil by two phases. In order to obtain alternatives for the use of this residue, and for the phytotoxicity problem caused by the high concentration of phenolic compounds, this study aimed to optimize the extraction of phenolic compounds from the bagasse using different methanolic extracts, and to evaluate the biological potential of these extracts. The optimization of the extraction of the phenolic compounds and the evaluation of the antioxidant activity (FRAP) were performed by spectrophotometry, defining the samples to be evaluated by the application of the response surface, which is a statistical tool for experimental planning. The two extracts with the highest concentration of phenolic compounds were selected for analysis of antitumor and antimicrobial activity in vitro. It was possible to observe that the two conditions that promoted higher extraction of phenolic compounds were obtained in the 40% methanol, 70 °C and 180 minutes (test 7) and 80% methanol, 70 °C and time of 180 minutes (test 8). The highest antioxidant activity was obtained in the extract with 40% methanol, 45 °C and time of 180 minutes (test 5). In the MTT test, extract 7 showed antitumor activity against the glioma tumor line at ≥ 100 μg.mL-1 in 24 h incubation, ≥ 500 μg.mL-1 at 48 hours and ≥ 200 μg.mL-1 at 72 hours of incubation; the extract 8 exhibited antitumor activity at the concentration ≥ 300 μg.mL-1 in 24 hours incubation, ≥ 200 μg.mL-1 at 48 hours and ≥ 300 μg.mL-1 at 72 hours incubation. In the Sulforodamine B assay, extract 7 exerted antitumor activity against the glioma tumor line at ≥ 200 μg.mL-1 concentration in 24 hours incubation, ≥ 50 μg.mL-1 at 48 hours and ≥ 100 μg.mL-1 in 72 hours of incubation; extract 8 demonstrated antitumor activity at the concentration ≥ 100 μg.mL-1 in the three incubation periods. In the disc diffusion test, the selected extracts showed inhibition halos against the microorganisms tested. In the minimum inhibitory concentration assay the selected extracts exerted moderate and weak antimicrobial activity, respectively. In the minimum bactericidal concentration tests, the extracts showed no activity, showing no bactericidal action, only bacteriostatic.
Palavras-chave: Planejamento experimental
Resíduo
Atividade antioxidante
Experimental planning
Residue
Antioxidant activity
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Pelotas
Sigla da Instituição: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos
Citação: BÖHMER, Bruna Wendt. Potencial antimicrobiano e antitumoral de compostos fenólicos extraídos do bagaço oriundo da obtenção de azeite de oliva (Olea europea L.). 2018. 77p. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos. Universidade Federal de Pelotas, Pelotas.
Tipo de Acesso: OpenAccess
URI: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/4134
Data do documento: 22-Fev-2018
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos: Dissertações e Teses

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO FINAL- BRUNA B- 2018.pdf1,19 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.